Dois caipiras em São Paulo - Episódio I



Terça-feira assistimos, eu e o Caio, a uma aula de teatro. Adoramos! =] Foi um dia especial do curso de teatro da Yara. Dia de BLAKOUT. Com música boa o professor controla a lanterna no escuro. E no ritmo da música a acende e apaga ditando quando devemos nos mover e quando ficamos em modo de estátua. Temos que fazer fotos. Enquanto está escuro nos movemos e quando a luz acende paramos em poses diversas. Tinha cada pose... Uma mais engraçada e criativa do que a outra. Outro barato era as sombras nas paredes produzidas pela luz da lanterna. Formava cada imagem louca.

No final dividiram a turma em três grupos de dez e deu uma música para cada grupo montar uma seqüência de 10 fotos. Nosso grupo fez uma foto muito dez... Quase todas as nossas fotos tiveram dessa imagem que você vê ao lado, mas nessa que estou falando fizemos diferente. Ficávamos todos em um canto e a Yara no meio. Ao invés de taparmos os olhos, boca ou orelhas tapávamos nossos narizes e Yara, enquanto isso, agachada, fazia cena de quem ia soltar O Senhor Pum. Ficou ótima, foi a melhor...


ouvindo - CPM22 - Boys Dont Cry

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Bustamante

Texto que escrevi e li como orador dos formandos de 2008 do curso de Comunicação e MultiMeios da PUC/SP

Tema da redação: Heróis reais