ENEM

Amanhã é o Exame Nacional do Ensino Médio e eu me sinto muito menos preparado do que no ano passado, uma época na qual eu estudava. Lógico, eu tinha provas no colégio e não podia fazer feio, ficar em recuperações... Enfim, perder as férias, o objetivo dos estudantes que ainda não estão olhando para a faculdade. Eu estudava, mas, agora no cursinho, eu me tornei um simples freqüentador de aula. E as pessoas - olhem como são elas - não acreditam que eu não estudo. Adoro isso! Coisa que se deve pelo simples fato de eu participar das aulas. Se você faz perguntas, você estuda – é assim a lógica aplicada no analisado. Raciocínio já provado errôneo nesse parágrafo.

Minha nota no ENEM do ano passado foi 54. Um nótão muito maior do que eu esperava. A prova tem 63 questões, eu acertara 54.

Acabei de fazer o simulado que o objetivo forneceu para o ENEM desse ano, acertei 38 questões. Uma queda em tanto, daquelas que você quase bate o nariz no chão. Creio que não será muito diferente o meu desempenho no dia de amanhã.

E eu que, antes do simulado, já estava pensando no meu repetido 54 de amanhã. Colocando-me com uma imudável competência provada no ano passado. Como fora uma surpresa o resultado 54, já me via com a mesma sensação de outrora no dia de amanhã quando estaria corrigindo o gabarito na internet. Imaginava-me falando para os outros do meu 54, segunda-feira na aula; todo aquele sonho... Estava tranqüilo, iludido e confiante (três coisas ruins por não terem fundamento na realidade? São?).

Agora espero o meu três oitão. 3 oitão? Que isso!, pareço um jurado de morte falando do revólver que vai me matar. Não entrei no meio da gaviões com camisa do palmeiras dando tapinhas sem noção na cabeça de cada alvo alvinegro.

(tá, esse exemplo foi idiota, porque não cabe um juramento, não há tempo de um entre os atos insanos e os hematomas recordes que viriam como imediata conseqüência). Viram como estou com a inteligência bem trabalhada nesse mais de meio ano de cursinho?

Será que os caras do objetivo fazem um simulado com nível mais difícil do que o esperado para a prova real por razões pedagógicas? Assim esperam as pessoas que gostam desse blogueiro aqui. E eu me incluo no topo dessa lista, pois não é por não estar cuidando direito de mim que eu deixei de me gostar. A todos que ao ENEM irão fazer amanhã (não devem ser como eu, já devem estar dormindo pela hora que já é) o meu Boa Sorte!
PS: confira na assinatura do post que horas são

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Bustamante

Texto que escrevi e li como orador dos formandos de 2008 do curso de Comunicação e MultiMeios da PUC/SP

Tema da redação: Heróis reais