quinta-feira, setembro 13, 2007

Sol


nunnu, upload feito originalmente por notsogoodphotography.

Ju (da pastoral) diz:
(não sei como me identificar sem esse "pseudônimo" péssimo)

...nos preocupamos demasiado com tudo, com todos, conosco, com medo, com desejos, com conversas, com o nada, com o tempo; com tudo aquilo que não nos pertence.
Não nos preocupamos em perceber as pequenas coisas que nos são dadas gratuitamente e por acréscimo, sem nada termos feito por merecer, mas por simples e grandioso fato de termos sido um dia um sonho de Deus. Não nos preocupamos se um dia não nos fosse dado a luz, os sorrisos, as saudades, as flores, o azul, o entardecer, as estrelas, o orvalho, os perfumes, os bolos-de-chocolate, as poesias, as brisas, a grama molhada, as primaveras, os ataques de riso, as piadas sem graça, os violoncelos, os morangos, os passos, os sonhos, a infância, os abraços... não lembramos que mesmo se um dia não estarmos aqui, o sol aquece a cada manhã.

Livro com uma mão não dá

Ler segurando o livro com apenas uma das mão não dá. É como fazer sexo ativo sem ter as duas mãos na parceira, não dá. E uma mão escondida s...