segunda-feira, janeiro 24, 2011

Um sono avassalador


Caramba! Ontem foi um ótimo domingo. Acordei cedo, organizei um pouco o meu trabalho, tomei café e saí. Encontrei-me com a Célia, fomos a um parque ótimo em São Bernardo do Campo, almoçamos em sua casa e fomos ao cinema assistir o nova versão de As Viagens de Gulliver. Foi uma delícia o dia! Quando cheguei em casa ainda havia muita coisa para arrumar e tinha que inventar uma janta. Missões cumpridas eram ainda umas 22 horas. Resolvi me deitar, estava com bastante bastante sono. Mas que sono forte que eu não sentia há tempos! Um pouco estranho mas muito bom. Parece que finalmente havia tido um domingo domingo e meu corpo feliz com isso me recompensou com um sono nível 5, um S5. Durmi durante 12h. Das 22h às 10h. Até levantei com uma dorzinha no pescoço por conta de ficar um pouco torto na cama no período da manhã. Vou fazer uma sessão breve de Yoga para pôr o corpo no lugar e infelizmente o dia vai começar depois do almoço. O que significa trabalhar à noite. Não reclamo, por um sono bom assim e por um domingo melhor ainda a gente trabalhar em paz.

Nenhum comentário:

Livro com uma mão não dá

Ler segurando o livro com apenas uma das mão não dá. É como fazer sexo ativo sem ter as duas mãos na parceira, não dá. E uma mão escondida s...