Carta poesia para a poetisa Alice

Carta escrita hálguns meses para a poesia querida Alice

Ali se fez poesia...
Como o mármore tocado por alma artista cheia de mãos
Ali se fez poesia...
Como terra regada pela semente que resulta em flor
Ali se fez poesia!

Ali é sempre espaço fecundo
Cheio de Deus
Ali é natureza, vida, água
Ali não cabe na noção humana
Só se pode observar suas boas consequências

Meu pensamento caiu ali
Na poetisa Alice
Essa mulher, semente forte
Fez do atual terreno infértil de poesia que está minha vida nascer palavras organizadas, melodiosas, com significados

Há a saudade do contato, da pessoa e dos versos
Contato contigo que fazia me contactar comigo
Sem egoísmo, mas com a arte do encontro de Vinícius
Da pessoa que nascia em cada lado, a partir do encontro Bahia-São Paulo
Dos versos, cores dos estímulos de nós dois
Tudo isso para dizer Olá, Alice!
Eu estou aqui. Como vai?

Um beijo grande

Vitor

Comentários

Sandra Di Célio disse…
Muito lindo!
Alice disse…
A carta que veio do céu cinza mas feita sol. *-*

Postagens mais visitadas deste blog

Bustamante

Texto que escrevi e li como orador dos formandos de 2008 do curso de Comunicação e MultiMeios da PUC/SP

Tema da redação: Heróis reais