Meu irmão achou isso em casa

Escrevi numa aula de Química. A folha está cheia de cálculos estequiométricos. Provavelmente uma aula do prof. Marcão, recém citado nesse post. Talvez eu já até tenha postado isso, mas vamos lá de novo.

Amara Mara

Moça bonita
De muita graça
De muita raça

Moça perdida
Em amor passado
Mundo acabado

Alma batida
Seio sofrido
Tudo vivido

Qu’inda acredita
Na própria vida

Amara Mara

O jovem alto
De muita raça
Sorriso alvo
De muita graça

O Jovem magro
Se via cravo
A via rosa

Havia rosa

Se via Zé
Ela Maria

Se via fé
Em romaria

Ela no altar
Pô-se a beijar

Roda girou
Tempo correu
Engravidou
Filho nasceu

Comentários

Niara disse…
Aulas de química, ai ai, química na facul... me lembram brincar de forca, que era o que eu fazia nessas aulas, hehe

Postagens mais visitadas deste blog

Bustamante

Texto que escrevi e li como orador dos formandos de 2008 do curso de Comunicação e MultiMeios da PUC/SP

Tema da redação: Heróis reais